terça-feira, 31 de janeiro de 2006

Sobre as baixas temperaturas




Vai continuar a fazer frio por todo o país. Pouca choraminguice que em Dresden e Odessa está bem pior, como lembrou -- e bem! -- o Presidente da República em despacho de Belém. Enroupem-se e pouca conversa que nem tudo é tão mau como parece.

Professor Palladium

25 comentários:

Equipa do INMG disse...

Olhe professor, se o frio servir para as tetas das gajas ficarem como na foto, que venha ele!

Anónimo disse...

ordinários. haviam de ser mulheres para verem o incómodo que isso é

Anónimo disse...

Equipa do inmg: «tetas» é ordinário. Mamas, ou quando muito seios. Aprendam.

equipa do INMG disse...

Tetas em tradução directa de "teets", if you don't mind. Mas se a/o anónymous prefere outra designação para os atributos mamários das senhoras, retiramos as tetas com um pedido de desculpas. Bóias serve?

Anónimo disse...

bóias não serve

frederico disse...

Eu gosto de ver as mamas assim

carla móia disse...

As minhas são assim quando não está frio...

frederico disse...

O seu contacto, Mónica, s.f.f.

a ratazana nojenta está de volta! disse...

Eu gosto de mamaçal! E de poitrine! Apêndices mamários também não é dispiciendo, embora sugira glândulas e, por aproximação, gandulagem e, por simpatia, colhoame, o que nos conduziria para outras conversas menos sóbrias...
Deixem lá estar as tetas e vejam se preferem a marrada do post lá de cima, mesmo em cheio no bolame ou boliqueime ou lá que lhe queiram chamar

Anónimo disse...

esta ratazana não parece a outra, ou então andou a aprender português...

Anónimo disse...

Carla tb kero teu kontakto

carla móia disse...

jamais daria o contacto a uma pessoa da geração «k»

anónimo geração k disse...

Ai veja lá ó Carlinha!!! tem medo de que lhe apalpe a ponta do seio? Como vê também sei escrever à 1950, o ano em que a Carlinha nasceu.

carla móia disse...

Sr. Anónimo Geração k, para começar nasci em 1974. Depois, não tenho medo que me apalpe o mamilo pela simples razão que isso só podia acontecer se eu quisesse. Kompreendido?

frederico disse...

Então Mónica... não se exalte! Foi a senhora que disse que o aspecto das suas mamas é o da fotografia quando não está frio... e ninguém lhe pediu opinião, não é verdade? portanto, posso imaginá-la com frio: dois picos evereste na t-shirt. Ah ganda Mónica!

dr. Gino disse...

Mau! Vamos lá ver se nos entendemos... Quem é que tem as mamas como as da foto? A Carla ou a Mónica?

frederico disse...

Peço perdão: é a Carla Móia e não a Mónica, talvez a confusão com o apelido. As minhas desculpas à Carla, não era minha intenção confundir as suas esplêndidas mamas com as da inexistente Mónica. Obrigado ao dr. Gino

mónica disse...

Caro Frederico: eu tb tenho... embora não ande para aí a dizer que são assim ou assado

dr. Gino disse...

Cara Mónica, também tem mamas ou tem mamas como as da Carla? É que se forem como as que a Carla diz que tem, então este blogue é muito bem frequentado!

mónica disse...

Caro dr. Gino, não interessa se as que tenho são como as que a Carla diz que tem. Até hoje ninguém se queixou. Antes pelo contrário. Satisfeito?

frederico disse...

As minhas desculpas Mónica. Folgo saber que as tem no sitio. Este blogue está muito bem frequentado, não há duvida.

hiperdragoon disse...

Quem as tem bem atesoadas é uma tal Catarina não-sei-quê. As imagens estão aí na net para quem as queira ver...

teresa disse...

Tanta coisa por causa de dois mamilos erectos com o frio! mas qual é a excitação?

equipa do INMG disse...

Cara Teresa
Nem calcula...

teresa disse...

Acho que há coisas mais excitantes, é só isso!