segunda-feira, 6 de fevereiro de 2006

Rainha da Dinamarca perde a paciência


Copenhaga, 6 Fevereiro. A Rainha da Dinamarca, Margrethe II, dirigiu-se ao país através da televisão e ameaçou directamente a Síria e o Líbano de «retaliação militar» pela destruição das embaixadas da Dinamarca em Damasco e Beirute. Num discurso particularmente duro, a soberana exortou os dinamarqueses a «prepararem-se para dar a resposta adequada» e avisou o presidente do Líbano, Émile Lahoud, e o presidente da Síria, Bashar al-Assad, que a Dinamarca «não perdoa nem tolera os actos hostis de que foi alvo por parte daqueles países»:
«Esgotou-se a paciência. Chega. Destruíram-nos duas embaixadas e todos os dias vejo a sagrada bandeira dinamarquesa cuspida, pisada e queimada por gente com péssimo aspecto. Pois eu vos digo, cidadãos do Reino da Dinamarca: preparem-se para dar uma lição às hordas do fanatismo e da ignorância. A Síria e o Líbano sentirão na pele o preço de desafiar a tradicional tolerância da nobre e civilizada Dinamarca», disse a rainha Margrethe II. Considerada a soberana mais culta da Europa -- é licenciada em Ciência Política pela Sorbonne e em Economia pela London School of Economics -- Margrethe II revelou que deu ordem ao governo e às forças armadas dinamaraquesas para «fazerem para o que tem de ser feito», no que foi entendido como uma declaração de retaliação militar a Damasco e Beirute.
Na alocução ao país, a rainha utilizou por várias vezes as expressões «repulsa», «desprezo», «bandidos» e «cólera» quando se referiu ao «fundamentalismo islâmico», terminando com uma ameaça directa a Beirute e Damasco: «Em verdade vos digo: estou farta de fundamentalismos islâmicos e de barbudos hirsutos fingindo-se virgens ofendidas de Corão na mão. A-c-a-b-o-u. A Dinamarca não perdoa a agressão nem quer saber dos cartoons de Maomé para nada. Comuniquei aos senhores Al-Assad e Lahoud que receberão em breve a resposta do povo dinamarquês».

Camillo Alves, em Copenhaga

6 comentários:

antónio m. disse...

Força Maggie, estamos contigo! Porrada nos infiéis, somos todos dinamarqueses!

Anónimo disse...

A velha é tesa hã?

zeta jones disse...

barbudos hirsutos é uma boa definição ó Camillo. Estás muito meigo, que se passa?

Anónimo disse...

A Princesa do povo morreu

K. Mad Duskornos disse...

Esta é igual ao Mário Soares. Retire-se enquanto respira sua velha tonta!

michelle disse...

We are White
We are Red
We are Danish Dynamite