quinta-feira, 13 de abril de 2006

Que deputedo, Sr.Alfredo!!!


13 de Abril de 2006
Os chulos dos Deputados com nacionalidade portuguesa, baldaram-se ao trabalhinho. Não que façam falta á desditosa Pátria que tais filhos pariu. Aliás estou convicto que deviam meter licença eterna, desde que sem vencimento, ou mesmo pedirem asilo político ao Canadá!
Ora, 120 dos 230 piratas de 2ªclasse que compõem o triste Parlamento apareceram, assinaram o livro de presenças e depois, sorrateiramente, rasparam-se lá do prostíbulo que é a Assembleia da República! Como resultado temos que, por falta de quorum, a merda das votações agendadas passam para outro dia que dê mais jeito a estes palhaços. Falta de quorum é a designação técnica, porque na verdade é falta sim, mas de vergonha! Tudo isto se passa ás portas do feriado e assim se juntam assim mais umas horas de regabofe para esses sacripantas de baixo quilate. Os grandes cabrões - que nem cornos merecem, note-se - tiveram ataques de hemorróidal, mortes de parentes mais ou menos próximos, entraram de subito em trabalho de parto e tantas outras desculpas esfarrapadas que nem vale a pena perder tempo a remendá-las. Mas atenção que podem vir a ser penalizados se não justificarem a ausência. O valor da penalização? 1/10 ou mesmo 1/20 do imerecido ordenado que todos nós lhes passamos para as oleosas patas! Ah, e isto com a complacência do Gama, o mesmo que ia promovendo o enrabador, perdão, o Embaixador Ritto a cada novo escândalo!
E depois condecoram-se uns aos outros...

Ex toto corde
O Preto da Casa Africana

2 comentários:

K Mad Duskornos disse...

Os deputados deviam ser enforcados! Sem subsídio de viuvez para as cabras que os aturam!

Anónimo disse...

Chulos